RSS Feed

Trechos de Esteros

Posted by Aldemir Alves da Silva


Olá, boa noite, 

Já faz um tempo que não posto trechos dos livros de Esteros, pensando nisso resolvi voltar a praticar esse habito. Abaixo apresento-lhes "Miguel o filho de Homandir". Esse personagem é um dos principais da trama, apesar de não aparecer em destaque no primeiro capitulo da saga, ele é importante no decorrer da trama. Miguel é filho do Deus Homandir, irmão do deus rebelado "Nazebur".

No segundo capitulo  — o inicio da esperança — Miguel participará diretamente da história, estará ao lado do príncipe, Andor, com a missão de libertar Esteros das garras do vilão Vamcast.

Trecho de Esteros O inicio da esperança.


Miguel o filho de Homandir:

Miguel apesar de viver entre os seres deste mundo não era mortal, este homem veio á esse planeta com uma missão especialmente secreta. Que deveria ser revelada apenas ao escolhido, alguém que irá combater um mal que outrora era desconhecido. Mas que agora se manifestou em Vamcast.

— Miguel quando foi destinado a viver em Esteros. Deveria manter-se anônimo e disfarçado entre os mortais. Assim o fez, até um dia conhecer uma linda moça filha de aldeões ao norte de Naires. A moça com o nome “Mazolita”.  Está mulher seduziu o deus de tal modo, que ele se apaixonou perdidamente pela mortal, dando a ela dois filhos; “Morratiles” o menino que cresceu e deu mais três netos para Miguel: Natans, Zerus, Marronius. O segundo filho de Miguel, era “Domantris”, que deu a ele dois filhos: uma moça de nome Zoram e um menino de nome Nandir.

— Vendo Miguel que não era possível viver junto com a família de Mazolita, pois isto era perigoso para seu disfarce. Refugiou-se e fez moradia ao meio da densa floresta ao norte de Esteros. A floresta “Hylha” era gigantesca e inexplorada, suas moradias eram feitas em cima de árvores bem camufladas. Afinal eram escolhidas somente as árvores maiores e de bastantes folhagens.

— Aos seus netos e filhos; encenará que seus segredos deveriam ser mantidos secretos, se um dia se apaixonassem deveriam trazer seus companheiros para morar junto com a família. Apesar de os filhos de Miguel descender de um ser imortal, eles não possuíam o poder da “imortalidade” podiam morrer como todas as raças de Esteros.

Só duas regras eram supremas entre os seus descendentes: eles não poderiam mais viver juntos aos mortais, não em grandes grupos, os seus segredos jamais deveriam ser revelados, pois um imortal ou descendente, não deveria jamais participar diretamente ao destino de Esteros.





0 comentários:

Esteros livro digital