RSS Feed

Porque livros de autores nacionais não vendem tanto como os estrangeiros? EIS A QUESTÃO...

Posted by Aldemir Alves da Silva





Porque livros de autores nacionais não vendem tanto como os estrangeiros? 

EIS A QUESTÃO...

Eu sempre vejo colegas autores indignados com a questão dos livros nacionais e autores  tupiniquins não serem reconhecidos como os estrangeiros.  Essa questão é repetitiva e complicada.


Mas  há inúmeras empresas culpadas por isso e, em minha opinião as que mais deveriam apoiar o autor são as LIVRARIAS. Só que é ao contrário: elas nos reservam apenas um quadradinho em suas estantes, e esse quadradinho apertado é destinado apenas aos autores PANELAS, sim “PANELAS”, aqueles que estão em editoras com vinculo comercial ativo ($$$). Já ouvi falar muita coisa, ex: espaços nas livrarias taxados, preço para vitrine, e etc.


Não adianta chorar, reclamar, ficar nervoso: o espaço é deles e quem escolhe são eles. As livrarias escolhem que produto vão por em destaque, além de tudo ganham a maior parte dos lucros, ex: elas querem 50% desconto no valor de capa, 90 dias para pagar isso quando pagam, frete grátis da editora para a livraria, nota fiscal que pode ser estornada se o livro não vender. E por aí vai...


A realidade meu povo poucos sabem, e ainda tem autores e pessoas leigas por aí dizendo que a editora é a culpada porque não divulga os autores. Falta de informação é fogo!


É fato; um escritor só vende de forma convincente se estiver exposto nas livrarias. E para estar nas livrarias a PULSO, leva tempo, você só estará lá quando os leitores obrigarem as empresas a comprarem o seu livro. Para isso acontecer à procura precisa ser ENORME, as pessoas precisam ir às livrarias saberem por que seu autor favorito não está lá, precisam pedir o livro, enfim, a massa é que pode mudar esse cenário. No entanto, também tem aquela questão de que se falando em literatura ainda somos minoria, o povo gosta mesmo é de futebol, cachaça, filmes e vídeo-game. 


Mas as coisas estão mudando de vagar... 


Não se cria uma marca da noite para o dia, um artista não nasce artista; ele se torna artista e isso leva tempo. Faça sua parte amigo AUTOR e não fique constrangido porque ainda é “um  artista sem público” sua hora pode chegar um dia, e se nunca chegar pelo menos você tentou.


E tem outra coisa: muitos dos leitores de hoje em dia estão se tornando escritores e talvez por isso haja esse aumento de indignação, mas vamos ser sinceros: se esses novos escritores não aderissem o mercado, mesmo assim estariam apoiando a literatura nacional? Ou é só porque estão interessados na fatia suculenta do bolo? É algo para se pensar, não é?


Conclusão:



Só quem pode mudar isso é o leitor, mas de que modo Aldemir?  SIMPLES: procurando saber mais sobre os talentos contemporâneos, comprando os livros direto com o autor e no site da editora, incentivando mais os novos “escritores talentosos”,  enfim cada um pode fazer sua parte...

E tem queles que dizem: eu não leio nacionais porque eles não sabem escrever, as histórias são ruins e os estrangeiros escrevem melhor. então para esses deixo as citações abaixo:





3 comentários:

  1. John Elvis

    adorei seu comentário, Aldemir Alves! creio que esta realidade é mais dura e sólida do que parece ser. Mas devemos ter fé e país mais confiante com os nossos leitores. devemos dar valor a nossa arte literária. é importante saber que somos grandes artistas e precisamos sentir o nosso valor, o mercado nacional de livros está crescendo e cada vez mais temos autores brilhantes, incluindo você.

  1. Aldemir Alves da Silva
    Este comentário foi removido pelo autor.
  1. Aldemir Alves da Silva

    Isso é verdade John, só blogs literários já temos mais de 1 milhão na web. O mercado é promissor e mesmo andando em passos lentos a coisa está acontecendo, sinto que de dois anos para cá melhorou muito. Enfim, os leitores começam a descobrir a qualidade nacional...

Esteros livro digital